Arquivo da categoria: Carlos Castelo – Crônica por quilo

O Natal é como um quadro de Jackson Pollock: cada um interpreta à sua maneira. Para os apolíneos, por exemplo, Natal é o coletivo de caloria. As feministas veem a noite natalina como uma festa porco chauvinista em que só … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Tratado geral dos chatos nas redes sociais – Carlos Castello, Estadão Uma tentativa de atualizar as teorias sobre a chatice e seus representantes na internet. Um chato é um chato é um chato. Mas o chato das redes sociais é bem … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O seu primeiro mês num regime absolutista

Depois de 30 anos de democracia, apoiada por uma Constituição Cidadã, não é simples para muita gente passar a viver num regime autocrático. A não ser que você seja do partido que comanda o Estado. O que não parece ser … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O caseiro do sítio de Atibaia

Seo Ináço, boas: Escrevulhe éssais mautraçadas liãs pra mandá notícias do sitiozim. As criassão vai bêim, óbrigado. A péscina nóis alimpêmo e butamo cróro, a grêia da churrasquêra tomêm ariêmo. Madeinusa, miã muié, espaiou bósta de galiã em sua órta … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Associação Esportiva Ócio

Num país longínquo havia um costume secular. Todos os habitantes, ao nascer, tinham tênis afixados aos pés. Com o passar dos anos, eram obrigados, por lei, a mantê-los sob pena de detenção. O povo também deveria fazer exercícios: pelo menos, … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Talento para loucura

Por esses dias, li o artigo de um psiquiatra dizendo que todo sujeito metido a hilário é meio maníaco-depressivo. Para sustentar a hipótese citou um estudo científico com 523 comediantes. A maioria apresentava sintomas próximos do transtorno bipolar e da … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Os parças na praça

Tenho aprendido muito sobre o gênero humano frequentando praças. Em especial as que possuem equipamento de lazer para crianças. Nas férias e fins de semana vou a algumas delas com minha filha. Com o desemprego galopante, esses locais gratuitos reúnem … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O C(*) DA QUESTÃO

Eu sou superafavor do caráter anal. O c(*) é uma coisa muito boa na vida das pessoas. E o c(*), sobretudo, é laico. É das coisas mais laicas que há nesse mundo. Nesse país em que tudo está ultraneofundamentalista, neopentecostal, … Continue lendo

Publicado em Carlos Castelo - Crônica por quilo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter