Arquivo da categoria: Roberto José da Silva – Blog do Zé Beto

O último gênio da bola

Não era craque, não era deus, não era de ouro. Era Maradona, talvez o último gênio da bola a se apresentar a várias gerações dos que amam o futebol em sua essência. De carne, osso, coração e alma, perdeu a … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Nem terminei de dizer ‘eu sou negão’ e os dentes superiores da frente foram parar na goela. O soco veio tão rápido que nem senti dor. O sujeito na minha frente deveria treinar todo dia um desses esportes de pancadaria. … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Morri, mas só ontem

Me mataram ontem à noite. Gostei. Essas coisas de redes sociais. Confundiram o tu com as calças – e tudo se alastrou. Sem o morto saber, claro. De repente, o molecular apita. Mensagem. “Vá com Deus, Zé”, escreveu um amigo. … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Vi um enorme saco plástico azul saindo pelo corredor. Fotografei com a mente, porque a câmera estava na mão e, por algum motivo, não apertei o disparador. Há muito tempo alguém me disse isso – e ficou. Em alguns momentos … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

A primavera do Greca

Do Analista dos Planaltos Sextou, ainda inverno, mas temperatura vai chegar a 28, muitos curitibanos estarão indo rumo à praia logo após o almoço. Na volta, será dia 21 de setembro, começa a primavera e em menos de dois meses … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Me chamaram do hospital. O aviso é que ele estava lá na pedra. Pedra é o local para onde vão os que morreram. Na pedra se troca a roupa, faz-se a barba, enfim, prepara-se o morto para o caixão e … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

A navalha na vitrine da pequena tabacaria chamou a atenção. Cabo de osso. Lâmina larga. Um locutor na loja ao lado tentava atrair compradores para roupas usadas. Muita gente na rua andando na faixa esquentada pelo sol. Não pude comprar … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Rasguei a foto. Também joguei fora os óculos. A imagem era pior – e me incomodava. Os óculos foi por causa do “quatro oio” que ouvia no colégio. Nunca reagi. Mudo, as entranhas sendo dizimadas. Mas a fotografia… Era mais … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Jornal do Cínico

Do Filósofo do Centro Cínico Os curitibanos também acreditaram que o coronga não passava de uma gripezinha – e como são diferentes dos brasileiros do resto do país, cantaram sem parar o clássico “tô nem aí”. Agora que se ouve … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Obrigado

Batidas na porta da frente é o… Não bebo mais e não tenho argumento. Por que nos abandonamos em cada cruz? Um fusca branco percorre ruas de areia no litoral de São Paulo e uma fita faz sair do alto … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Pendurado por ganchos e exposto no açougue da vida, quem não? Muitos, mas estes são privilegiados por não terem dúvidas, não terem alma, funcionarem como o sexo dos animais. Lavou, tá limpo? Vai ver que é isso mesmo e idiotas … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Minha cueca amarela sumiu. Acho que um dos encostos gostou e levou. Um dia pensei nisso por uns trinta segundos. Mais seria dar poder à coisa. Ele deve estar desfilando por aí, querendo encostar em outro, porque sabe que aqui … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

A mosca estava na sopa. Não tem outra explicação. Sem vergonha eu era. Comia buchada de bode no café da manhã. Jaca mole era sobremesa no almoço e jantar. Vegano agora sou. Dizem que envergano, pois voltei aos tempos de … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Cinco anos depois, a terapeuta revelou a essência. Fala-se tudo, as voltas são enormes, mas sempre se chega ao ponto de partida: pai e mãe. Depois é você o pai ou a mãe – e não entende porque os filhos … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

Recebi a carta pelo correio. Só havia uma frase. Está tudo bem. Sem remetente. Envelope daqueles com borda verde e amarela. Como pode estar tudo bem, se não conheço quem traçou a linha? A partir daquele momento pensei em todas … Continue lendo

Publicado em Roberto José da Silva - Blog do Zé Beto | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter