Arquivo da categoria: rui werneck de capistrano

Quando a discórdia reina, reina sobre o quê?

Zapetrape, zapetrape, zapetrape, zapetrape… Lá vem o Hidrópota Esclarecido no seu passinho miúdo, direto para o mais aconchegante sofá deste mundo. O copo companheiro ele deposita bem ali na mesa de centro, que não está assim tão centralizada. Lúcido, conciso, … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Plantadores de memórias – ficção & realidade

No livro Mente e Cérebro, da Lauren Slater, tem uma experiência curiosa e reveladora: Perdidos no shopping. Vou resumir, calma! Consiste em ‘plantar’ memória na cabeça das pessoas. Os psicólogos pegaram pessoas e foram dizendo coisas como: ‘Lembra quando você … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

As cores do azul elétrico

O ar é azul, já se sabe. Com as correntes constantes, torna-se verde ou até cinza chumbo. Por isso, o artista francês Yves Klein inventou seu Período Azul e o levou a extremos estertores. Pintou telas totalmente em azul elétrico … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Ponto, parágrafo: travessia

Me dizem ao pé do ouvido que o símbolo da discórdia no alfabeto chinês são duas mulheres sob o mesmo teto. Agarro-me ironicamente nessa imagem para tornar mais leves os últimos vestígios da saga dos vikingues em suas intrépidas (sempre … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , , | 1 comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Liberdade ainda que prisioneira

A Estátua da Liberdade se chama, oficialmente, Estátua da Liberdade Iluminando o Mundo. Ela foi oferecida, em 1886, à América pelos franceses e construída num dos acessos ao porto de Nova York. O escultor Frédéric-Auguste Bartholdi projetou-a para ter 91,5 … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Outra daqueles tempos – Walmor Marcelino & Werneck

Em 1972, a Lema Propaganda era uma beleza. Eu já estava bem entrosado com a turma, mas era só estagiário. Fazia dupla com o Solda. A outra dupla era Rettamozo e Strano. E tinha o Jamilzinho na arte-final. O bom … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Cartesianamente falando

Renatus Cartesius, René Descartes, escreveu o livro Discurso do Método — para conduzir a razão e buscar a verdade nas ciências — que, parece incrível, se constituiu num desses famosos divisores de águas nas tarefas humanas. Num super-resumo, veja o … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Não sei, talvez eu tenha perdido a barca do Bukowski

Dá na mesma. Villon, Baudelaire, Leminski, Bukowski et caterva. Os reflexos ainda estão nas janelas, nos blogues, nos bares, nos livros. Aquela azia, a sede imensa logo de manhã, a bexiga implorando perdão, a cabeça batendo estaca, o sol ardendo … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Como não é do conhecimento de alguns, sou fissurado em palavras. Li, numa dessas revistas dirigidas, um artigo rápido de um cara chamado Luiz Costa Pereira Junior sobre o peso das palavras usadas pelas empresas. Em resumo, a gente escreve … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Indus e Chineses: Tanto se fala da cultura e da sabedoria milenar desses povos que já tiveram Gandhi, Krishnamurti, Confúcio e outros. Mas fico aqui duvidando de tudo. Como é que — se lêem tanto, estudam tanto, meditam tanto — … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

  © Maringas Maciel 1. Edmund Pander esteve a milímetros de descobrir uma nova bactéria, mas não o fez. Em 1958, Pander entrou na sala de um castelo abandonado da Itália onde se realizava gigantesca procriação de uma nova bactéria … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Henry James.  © Singer Afirma-se que as personagens de Henry James não têm intestinos nem órgãos sexuais. Desconheço os seus livros. Depois de ele ter escrito um certo número de histórias sobre homens de letras, sempre aparecia alguém que protestava … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Rui Werneck de Capistrano

© Myskiciewicz Diz num artigo médico que os animais são atacados pelos predadores, quase sempre, no pescoço. Uma dentada de leão no pescoço de um bisão ou de uma gazela é mortal. Nós, humanos, herdamos dos nossos ancestrais o medo … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Rui Werneck de Capistrano

Mais um mergulho rápido no reino das palavras. E de lá tiro, ainda viva e molhada, a palavra rípio. Menos de um por cento das criaturas humanas deve saber o que quer dizer isso e pra que serve. Pior ainda … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Rui Werneck de Capistrano

A revisita ao dicionário me deixa sempre alegre, bem-humorado e dá  sensação de que o mundo é bom. Abro aleatoriamente e vou lendo. Melhor do que dar pipoca aos macacos ou trela a corações partidos. Palavra puxa verbete e verbete … Continue lendo

Publicado em rui werneck de capistrano | Com a tag , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter