Arquivo da categoria: Zé da Silva

Eu queria ver o mar. De qualquer forma. Na semana da excursão, o corpo todo pipocou – e tudo coçava. Não pode ir, sentenciaram. Fiquei mais doente. Quero! O não estava entranhado na alma – e doía muito quando ele … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Fiquei olhando os pés do terapeuta. Ele calçava sandálias, mas com meias listradas em branco e preto. Entrei no túnel do tempo, como no velho seriado da televisão. E falei descontroladamente, sem que viesse uma orientação da alma ou da … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , | Comentários desativados em
Compartilhe Facebook Twitter

Renovei minha carteira de habilitação há pouco. Tenho quase noventa anos. Minhas pernas estão fracas, escuto muito pouco e enxergo mais ou menos. Fui lá no doutor, coloquei um óculos que nunca uso – e pronto, fui aprovado. Em menos … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , | Comentários desativados em
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

© Sabina Petrovski o poeta entrou aqui e trouxe o irmão junto que já se foi faz tempo e não conheci mas conheço pelas letrinhas e este irmão dele foi um raio tempestade ondas gigantes a engolir tudo e expelir … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Odiava cachorros, principalmente os que eram dissimulados. Não importava se eram de raça, com pedigree no papel e sobrenome com verniz de nobreza, ou vira-latas frutos da mistura de quem, durante séculos, se alimentou de lixo. Os que latiam muito … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Zé da Silva

O melhor professor de jornalismo dele foi um guri de uns 12 anos que trabalhava numa banca de jornal. Todo dia, depois do almoço, ele percorria um quarteirão com a edição do vespertino dobrada e colocada embaixo do braço para … Continue lendo

Publicado em Zé da Silva | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Horóscopo

Peixes. Sim, tomou remédios durante um tempo. Tarja preta. Sim, melhorou um pouco. Foi-se embora aquela angústia massacrante, perfurante. Mas era o remédio. Ele, não. Achou que, dopagem por dopagem, a do álcool era mais agradável. Mas não era. Por … Continue lendo

Publicado em Don Suelda del Itararé, Horóscopo, nora drenalina, Pleonasmos, prof. thimpor, roberto josé da silva, Se não for divertido não tem graça, solda, Solda Cáustico, Soldações, Soldades, Soldatti, soruda, suelda, tudo em geral, zé beto, Zé da Silva | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Horóscopo

Áries. Medo de altura tinha. Mas precisava regular a antena de tevê da casa. Pediu emprestada a escada. Subiu no telhado e foi pisando de leve para não quebrar nada. Casa antiga, rampa íngreme. Chegou lá sentindo vertigem. Agarrou-se ao … Continue lendo

Publicado em Aftosas soldações, Blog do Zé Beto, Don Suelda del Itararé, Esboço, fumar - espero, Horóscopo, Ibrahim Suelda, itararé, nora drenalina, Rascunho, Rough, solda, Solda liberdade, Soldades, Soldatti, soruda, tudo em geral, www.jornalenoticias.com.br/zebeto, Xáde Sumisso, Zé da Silva | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Horóscopo

Escorpião. Lawrence da Arábia baixou. Mas ele estava de cueca samba-canção e uma camiseta com um buraco na clavícula direita. Mirou bem. Um peito estufado era o alvo. Pousado na calha. O som da pressão fez o cachorro latir. O … Continue lendo

Publicado em Aftosas soldações, Blog do Zé Beto, Cartunista Solda, Don Suelda del Itararé, Horóscopo, nora drenalina, prof. thimpor, roberto josé da silva, solda, Solda liberdade, Soldades, Soldatti, soruda, zé beto, Zé da Silva | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Horóscopo

Touro. Abriram o joelho dele. Estava na morte proporcionada pela anestesia. Depois, mostraram a foto. Era pior que o que viu num açougue. Era tão dolorido quanto o grito do porco que esperneou quando lhe enfiaram uma peixeira para atingir … Continue lendo

Publicado em Aftosas soldações, Cartunista Solda, Don Suelda del Itararé, Horóscopo, nora drenalina, O Solda nosso de cada dia, prof. thimpor, roberto josé da silva, solda, Soldade, Soldatti, soruda, tudo em geral, zé beto, Zé da Silva | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Horóscopo

Capricórnio Tinha quatro carros e uma moto na garagem. o cachorro ficava puto da vida porque o detran não havia lhe concedido o direito de ficar parado no trânsito dentro de veículo próprio, automático, vidro elétrico, airbag, gps e fralda … Continue lendo

Publicado em alceu dispor, Cartunista Solda, Don Suelda del Itararé, Horóscopo, nora drenalina, prof. thimpor, solda, Soldade, soruda, zé beto, Zé da Silva | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter