Embalagem de cloroquina virá com foto de Bolsonaro como alerta

O presidente Jair Bolsonaro teria “exigido” a Nelson Teich que recomendasse a cloroquina no tratamento de Covid-19. Diversos estudos recentes mostraram que a cloroquina não só é ineficaz contra o coronavírus como pode causar graves efeitos colaterais, especialmente no coração.

Por isso, a indústria farmacêutica terá que colocar a foto de Bolsonaro nas embalagens de cloroquina – como é feito com cigarros.

“Quem quiser duvidar da ciência tem que saber que o destino é se tornar um mentiroso autoritário, manipulador, orgulhoso de ser ignorante, potencialmente genocida e, de uma maneira geral, um grande filho da puta”, disse a decisão.

Sobre Solda

Luiz Antonio Solda, Itararé (SP), 1952. Cartunista, poeta, publicitário reformado, fundador da Academia Paranaense de Letraset, nefelibata, taquifágico, soníloquo e taxidermista nas horas de folga. Há mais de 40 anos tenta viver em Curitiba. É autor do pleonasmo "Se não for divertido não tem graça". Contato: luizsolda@uol.com.br
Esta entrada foi publicada em Sensacionalista e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Compartilhe Facebook Twitter

Deixe uma resposta