Memória da Memória

Tatiana Memória em 2006 (foto de Toninho Vaz)

Fui chamado para escrever, com certa urgência, uma mini-biografia de Tatiana Memória (1927), falecida em abril último na condição de presidente da Fundação Darcy Ribeiro – FUNDAR. O livrinho de arte biográfica vai ser lançado em 26 de outubro, aniversário de Darcy Ribeiro e da fundação, em solenidade marcada para o casarão de Santa Teresa.

Tatiana, que conheci muito bem, era uma mulher dinâmica, valente e teimosa como poucas. Estes eram traços marcantes de sua personalidade, que talvez expliquem a inabalável amizade com o professor Darcy, com quem trabalhou na implantação dos CIEPs e, mais tarde à frente da fundação criada por ele antes de morrer, em 97.

Tatiana Chagas era filha do cientista sanitário Evandro, filho mais velho de Carlos Chagas; sua mãe, Maria das Graças, era jornalista e militante do Partido Comunista Brasileiro.

(O Américo Vermelho está restaurando algumas fotos da infância dela.)

Foi casada com o arquiteto Mauricio Memória e viveu uma vida plena em Maricá, com seus cachorros e próximo ao mar que tanto adorava.

Tatiana Memória foi uma batalhadora pela causa da escola de horário integral, capaz de oferecer alternativa de educação e saúde aos meninos das favelas.

Toninho Vaz, de Santa Teresa

Sobre Solda

Luiz Antonio Solda, Itararé (SP), 1952. Cartunista, poeta, publicitário reformado, fundador da Academia Paranaense de Letraset, nefelibata, taquifágico, soníloquo e taxidermista nas horas de folga. Há mais de 40 anos tenta viver em Curitiba. É autor do pleonasmo "Se não for divertido, não tem graça." Contato: luizsolda@uol.com.br
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Compartilhe Facebook Twitter

2 respostas a Memória da Memória

  1. Sou neta do médico Ronam Ribeiro de oliveira e silva ,filho do cel . Theodoro Ribeiro de oliveira e silva ,ambos de Oliveira-´MG, prima do Dr. Carlos j. Ribeiro das chagas(Dr. Carlos Chagas) de Oliveira_MG, e gostei muito do solda -cáustico. Amei saber que Tatiana Memória ,a filha do Doutor Evandro chagas, foi amiga de Darcy Ribeiro , a quem eu admirava muito ,tanto por ter lido seus livros como por ser amigo de Brizzolla a quem eu quis tanto, fosse presidente. Sou portanto fã de ambos. Sou nacionalista de esquerda democrata liberal quase do PSB( estudante de geografia e geologia ,na UFMG,de 1974 a 1980.Em 1983, passei no concurso para professora de geomorfologia e geografia física do Brasil na UFMG.Lutei ,como vice-presidente do DA-ICC/UFMG ,quando estudava Marx e considerava o socialismo no Brasil, naquela época, como o ideal p/ o Brasil .Hoje, com uma enorme massa de classe média e burra ,agressiva e inculta ,mais os corruptos e corruptores, que se enriqueceram no Brasil, (e só agora a PF decobriu essa putaria no Brasil kkkkkk!). Nunca me filiei á partidos ,mas tive de votar em Lula depois de Collor, o candidato da elite e da classe ,média burra). Queria saber se Tatiana ,foi parente de Darcy Ribeiro, ´já que seu avô foi Carlos chagas j. Ribeiro Chagas ,nascido aqui em Oliveira ,MG. Mas que viveu no rio de Janeiro.
    Meu pai ,primo de Dr. Crlos Chagas ,faleceu em 1957,quando eu tinha 3 anos,não conheci os parentes de Oliveira senão meus nove( 9) tios paternos, a quem eu não perguntava sobre os parentes de meu avô Ronam. Fiz Geografia e sou doutora em análise ambiental, aposentada como prof . adjunta da UFMG, desde 2009.O meu Melo é da minha mãe ,nascida em Brumadinho.Meu pai, Lisipo ribeiro de oliveira e silva, preferiu colocar Ribeiro de Melo que soava melhor.
    Escreva-me, adoraria conhece-lo. Não desenho ,mas adoro cartuns e tive muitas idéias sobre a candidata Marina Silva, que nada sabe sobre meio ambiente. Recentemente , ela saiu com esta: os brasileiros têm de aprender com os nordestinos a viver com restrição de água. Isso no site oficial dela. Respondi à ela que Com a antiga indústria da seca ,que usava dinheiro pedido aos presidentes p/ combate á seca ,no semiárido nordestino só reinava a dor ,a morte dos bois magros e a resignação de pais cujos filhos participaram do êxodo para São Paulo. Agora ,com a Presidenta Dilma é que estão com represas e cisternas ,mais o maravilhoso Bolsa família p/ o pão de cada dia. Os coxinhas anti -Dilma é q falam contra o bolsa família, dizendo q Dilma tem de ensinar a pescar. Pescar sem água? Agora ,com a seca relacionada as mudanças climáticas ,no Brasil, devido ao aquecimento global ,cuja média global esconde ,estatisticamente, o maior aquecimento e os primeiros grandes efeitos no hemisfério Sul, e se aproveitam da ignorância da ciência ambiental no Brasil ,os EUA e China que só irão parar de emitir os gases do aquecimento ,somente em 2100. Beijim ,de quem adoraria saber se Tatiana Memória era parente de Darcy Ribeiro a quem admirava e li tudo. Com gratidão ,Dirce Ribeiro.

  2. Que pena não ter conhecido, pessoalmente, a Tatiana Memória nem o Dr. Darcy Ribeiro e o Brizolla. Nosso Ribeiro de Oliveira não tem a ver ,diretamente ,com o Ribeiro do Darcy Ribeiro.
    Grata por ter publicado essa carta ,apesar dos erros devido à pressa e de não saber que ficaria exposta no Google, achei legal. Bom saber que Tatiana foi essa feliz e forte personalidade. Que esteja junto aos anjos do Senhor e feliz. Grata.

Deixe uma resposta