Reflexões com Geraldo Leão

O artista plástico e professor Geraldo Leão é o convidado do programa Reflexões desta terça-feira (13), da TV E-Paraná, que vai ao ar dentro da série Território Aberto, às 21h10. A apresentação, mediada por Paulo Munhoz, Bernadete Brandão e Vadeco, traz uma conversa produtiva sobre artes e política e, ainda, sobre a vida e a profissão do convidado, que é professor do Departamento de Artes da UFPR. Na ocasião ele vai abordar assuntos como o abstracionismo e as relações entre a arte paranaense e a política de ideologias autoritárias, áreas em que ele é mestre e doutorando.

O convidado do Reflexões, Geraldo Leão, é mestre em História com pesquisa sobre a introdução do abstracionismo no Paraná no início dos anos 60 e doutorando em História com uma pesquisa sobre o Paranismo e as relações entre a arte paranaense do entre-guerras e as ideologias autoritárias.

O artista atuou como ilustrador, diagramador e arte-finalista de veículos impressos até 1984, quando, após exposição individual na Galeria de arte Banestado, passou a dedicar-se exclusivamente à pintura. Depois disto ele participou de inúmeras exposições no Brasil e no exterior, publicando vários artigos em periódicos. O professor também integrou os Conselhos da Galeria de Arte Banestado, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, do Conselho Estadual de Cultura, e, desde 1989, tem ministrado cursos de história da pintura contemporânea e oficinas de pintura em museus, galerias de arte, e instituições de ensino superior.

Em 1990 Geraldo participou da Comissão Curadora que selecionou artistas paranaenses para exposição no Museu de Himeji, no Japão e no ano de 1991 foi responsável pela curadoria da Exposição retrospectiva do artista plástico Mohamed Ali, para a Fundação Cultural de Curitiba. Mais recentemente o artista tem criado e organizado exposições de arte contemporânea em diversos espaços culturais do sul do Brasil.

Serviço: Território Aberto – Reflexões – com a participação do professor e artista plástico Geraldo Leão. Mediação: Paulo Munhoz, Bernadete Brandão e Vadeco Terça-feira, dia 13, às 21h10, na TV E-Paraná, canal 9, em Curitiba e RMC. Para assistir on-line acesse www.rtve.pr.gov.br.

Sobre Solda

Luiz Antonio Solda, Itararé (SP), 1952. Cartunista, poeta, publicitário reformado, fundador da Academia Paranaense de Letraset, nefelibata, taquifágico, soníloquo e taxidermista nas horas de folga. Há mais de 40 anos tenta viver em Curitiba. É autor do pleonasmo "Se não for divertido não tem graça". Contato: luizsolda@uol.com.br
Esta entrada foi publicada em RTVE e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Compartilhe Facebook Twitter

Deixe uma resposta