Show do Black

BLACK-FLYERAceite meu convite para uma festa bacana: dia 30, terça feira, véspera de feriado, vamos celebrar a memória de um grande e querido amigo, o iluminador iluminado, o gentil homem, Mr. Finesse, Marco Antonio Ferreira, o Black, falecido nesta quinta-feira vitimado por um AVC fulminante. Toda a bilheteria será destinada à mãe do Black, a Dona Dita, um doce de pessoa que merece todo apoio nessa hora.

Vamos deixá-la sentir o carinho que os amigos de seu filho vão demonstrar neste momento, vamos celebrar a existência de um curitibano simpático e carismático e ajudar sua mãe a superar a dor da inestimável perda.  Compareça. Shows com Maxixe Machine, Black Maria e convidados, no Jokers. Rua São Francisco, 164. Abração, Ferreira

Sobre Solda

Luiz Antonio Solda, Itararé (SP), 1952. Cartunista, poeta, publicitário reformado, fundador da Academia Paranaense de Letraset, nefelibata, taquifágico, soníloquo e taxidermista nas horas de folga. Há mais de 40 anos tenta viver em Curitiba. É autor do pleonasmo "Se não for divertido não tem graça". Contato: luizsolda@uol.com.br
Esta entrada foi publicada em Aftosas soldações, alceu dispor, Black Maria, Don Suelda del Itararé, Jokers Pub, Luiz Antonio Ferreira, Marco Antonio Ferreira, maxixe machine, nora drenalina, prof. thimpor, solda, Solda liberdade, Soldades, Soldatti, soruda e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Compartilhe Facebook Twitter

Os comentários estão encerrados.