Arquivo da tag: antena da roça

Todo dia é dia

  ora, essa, faça-se da poesia uma história de amor sem Romeus nem Julietas apenas um Anjo Exterminador em alto louvor e que viva em paz seja lá como queiram que isso for solda

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Antena da roça

Retícula dobre foto de João Urban (1980) está certo eu mereço todo homem tem seu preço o que vocês querem é a parte de dentro uma ideia um arremesso coração moldado em gesso isso eu sei logo esqueço ainda é … Continue lendo

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , , | 4 comentários
Compartilhe Facebook Twitter

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Eu vejo a primavera. Vocês verão!

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

© Vera Solda

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

hoje eu não estou pra conversa meu vício já não versa palavras que não se entendem e vice-versa solda

Publicado em Todo dia é dia? | Com a tag , , | Comentários desativados em Todo dia é dia
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

amigos, arranjei um emprego provisório não é bem o que eu queria cheguei enfim, ao purgatório tornei-me um provador de supositório solda

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

O que cada um dos glóbulos situados na parte anterior da cabeça que constituem a visão humana não vêem, o órgão oco, muscular, situado na cavidade torácica, constituído de duas aurículas e de dois ventrículos e que recebe o sangue … Continue lendo

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

abomino o verso complicado ventríloquo da complexidade mártir da métrica inexorável cultivo o óbvio pássaro modesto a forma simples das mais modesta simplicidade solda

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

eu escrevo assim, na lata, misturo supensório com batata, o que me dá na telha transforma-se em bravata poesia, amigo, não é dar nó em gravata não ponho a mão no fogo por versinhos de ogro prefiro os acrósticos do … Continue lendo

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Vem aí!

Nas livrarias e boas casas do ramo. Vocês não perdem por esperar.

Publicado em Vem aí! | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Retta Rettamozo. Foto de Kito “Tabla” Pereira

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , | 1 comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Faça propaganda e não reclame

Publicado em Faça propaganda e não reclame | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Retta Rettamozo. Foto de Vera Solda

Publicado em antena da roça, retta rettamozo, Todo dia é dia: vale a pena ver de novo, vera solda | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

eu morro eu não paro sangro desabo mas não sossego sou louco doido varrido mais grosso que papel de embrulhar prego solda (2009)

Publicado em antena da roça, Proesilha!, Todo dia é dia | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Clique!

Lina Faria. Foto de Ivonaldo Alexandre

Publicado em amigos, Cartunista Solda, Ivonaldo Alexandre, lina, Lina Faria, solda cáustico, vi você no site do solda | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Rettamozo

Retta Rettamozo por ele mesmo

Publicado em antena da roça, Retta Rettamozo por ele mesmo, Rettamozo | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Aviso aos navegantes

Vou ver se estou ali na esquina e já volto. Não saiam daqui.

Publicado em Aviso aos Navegantes | Com a tag , , , , , , , , , | 4 comentários
Compartilhe Facebook Twitter