Arquivo da tag: l&pm pocket

Voltando à vaca fria

Neste libelo do teólogo Erasmo de Rotterdam (1469-1536), quem fala é a Loucura. Sempre vista apenas como uma doença ou como uma característica negativa e indesejada, aqui ela é personificada na forma mais encantadora. E, já que ninguém mais lhe … Continue lendo

Publicado em Voltando à vaca fria | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Dalton Trevisan

Tristeza é ver florindo o vasinho de violeta no quarto da filha morta. Dalton Trevisan, do livro 99 corruíras nanicas, L&PM Pocket.

Publicado em Dalton Trevisan | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Dalton Trevisan

Olho perdido na janela, suspira o velho: — O que será que o meu canarinho anda fazendo? Dalton Trevisan, do livro 99 corruíras nanicas, L&PM Pocket.

Publicado em Dalton Trevisan | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Elogio

Neste libelo do teólogo Erasmo de Rotterdam (1469-1536), quem fala é a Loucura. Sempre vista apenas como uma doença ou como uma característica negativa e indesejada, aqui ela é personificada na forma mais encantadora. E, já que ninguém mais lhe … Continue lendo

Publicado em Elogio | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Dalton Trevisan

O casal, brigado, de costas. Longo silêncio. De repente, o velho: — Sua diaba! Pára de ficar ouvindo o meu pensamento! Do livro 99 corruíras nanicas, L&PM Pocket.

Publicado em Dalton Trevisan | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O Vampiro de Curitiba

“João, eu parti para sempre, cuide bem das crianças, são um pedaço do meu coração, não esqueço tudo o que fez por mim, você me deu até o que eu não tinha e eu? não passo de uma perdida, sei … Continue lendo

Publicado em O Vampiro de Curitiba | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Millôr Fernandes

Da extensa obra de Millôr Fernandes, tenho a felicidade de possuir quase todos os livros, inclusive um, Lições de um Ignorante, raríssimo, que emprestei de Manoel Carlos Karam e evidentemente, não devolvi, porque o Karam partiu para Alhures do Sul … Continue lendo

Publicado em Hai-kais, Millôr Fernandes | Com a tag , , , , , , , , , , | 5 comentários
Compartilhe Facebook Twitter