Arquivo da tag: o bandido que sabia latim

Polaco

O Bandido Que Sabia Latim na bagunça mais organizada da cidade. © Lina Faria

Publicado em polaco, Sem categoria | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Tempo

Carlos Careqa solta a voz nas estradas, observado pelo Bandido Que Sabia Latim. © Myskiciewicz

Publicado em tempo | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O Bandido Que Sabia Latim

Curitiba, 24 de agosto de 1944 — Curitiba, 7 de junho de 1989 . Desenho de Fernandes

Publicado em O Banido Que Sabia Latim | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Poema meu terminado  pelo Bandido Que Sabia Latim, cuja caligrafia vocês devem conhecer de cor e salteado. Solda (1987)

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

© Julio Covello

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

© Américo Vermelho

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Patrícia Poeta Pfingstag. © Myskiciewicz

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

O Bandido Que Sabia Latim

É pura perda de templo tentar explicar por que o Templo das Sete Musas, sede do Instituto Neo-Pitagórico, pegou fogo na noite de 24 de agosto de 1987. A explicação é simples. Em 1907, Dario Vellozo, poeta, professor de philosophia, … Continue lendo

Publicado em O Bandido Que Sabia Latim | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Agora é que são elas…

6 Capítulo 17/Página 81 O mordomo irrompeu e anunciou: — O corpo está sendo velado na capela. E os senhores esenhoras presentes podem se servir a partir de agora. A voz de Norma ainda ecoava naquele salão, quando todos largaram … Continue lendo

Publicado em Agora é que são elas | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Dor elegante

Publicado em Dor Elegante | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

A Pressa e a Preguiça

© Tiago Recchia Curitiba, metafísica e fisicamente, ignora o corpo, como o Sul, em geral. O trabalho é uma “espiritualização”, uma abstratização do corpo. O trabalho deforma o corpo, que só o esporte faz florescer. Curitiba nunca foi importante, esportivamente. Esporte … Continue lendo

Publicado em A pressa e a preguiça | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Múltiplolaco

Publicado em Múltiplolaco | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Vale a pena ver de novo

Capa que fiz para a biografia de Paulo Leminski, O Bandido Que Sabia Latim, de Toninho Vaz, para a editora Nossa Cultura, não autorizada, craro, cróvis.

Publicado em vale a pena ver de novo | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Múltipolaco

Publicado em Múltipolaco | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Fundação Cultural homenageia Leminski com novo painel

© Myskiciewicz O poeta curitibano Paulo Leminski faria 72 anos hoje, 24 de agosto. Em mais uma homenagem ao poeta, a Fundação Cultural de Curitiba está substituindo o painel existente na fachada da Casa da Memória (Rua São Francisco esquina … Continue lendo

Publicado em Fundação Cultural homenageia Leminski com novo painel | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Arte na faixa

O Bandido Que Sabia Latim, Paulo Leminski. © Marcos Barreto

Publicado em Arte na faixa | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Publicado em Todo dia é dia? | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter