Arquivo da tag: paulo vitola

Inter Rogatório

— Nome? — Exatamente Commo Sepro Nuncia. — E como se pronuncia? — É por parte de pai: Sepro Nuncia. — Tá bem, o senhor já disse. — Não, Jadisse é como se chama minha irmã. — Sua irmã? Mas … Continue lendo

Publicado em Inter Rogatório | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Tempo

Paulo Leminski, Paulo Vítola, Marinho Gallera, Ivan Graciano e Belarmino & Gabriela, no Sir Laboratório, década e 80. © Nego Miranda

Publicado em tempo | Com a tag , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Tempo

O cartunista que vos digita e Paulo Vítola, fim de mais um dia de trabalho na Múltipla Propaganda. © Dico Kremer

Publicado em tempo | Com a tag , , | 2 comentários
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

para o rápido alívio das dores do amor massageie levemente a garganta até a vista se tornar completamente incolor é de preparo instantâneo contém 20 miligramas de chá de amnésia que elimina as paredes do crânio em instantes mandando lá … Continue lendo

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Eu sonhei que saíram meninas Na Banda Polaca De topless Rebolaram pelas esquinas Na Banda Polaca De topless Sonhei que estouraram champanha Pra comemorar Mas chegou uma gente estranha E acabou com a finesse Ainda bem que veio a turma … Continue lendo

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Precisa-se de criança que tenha cara de anjo sujo de geléia de uva, que se possa limpar em noites de chuva, quando o céu despenca aos borbotões e se adormece só, entre agulhas e botões. Se oferece um enxoval completo, … Continue lendo

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Paulo Vítola

Publicado em Paulo Vítola | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Mural da História

No começo dos anos 1970, eu trabalhava como redator e produtor na TV Iguaçu Canal 4 e escrevia, entre outros, um programa chamado “Os Bons de Música”. Cada semana, eu convidava alguém que fazia música na cidade. Cantores, compositores, instrumentistas, … Continue lendo

Publicado em mural da história | Com a tag , , , , , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Chope Duplo

Publicado em Chope Duplo | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

© Reuters Queria ser o céu de uma dessas noites limpas de inverno, com bilhões de olhos brilhantes, toda vez que as portas e janelas desse mundo se fecham só pra esconder você de mim. Paulo Vítola

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Coração de Aladim

Mais um chorinho, meu amor, do seu carinho. Do seu cheirinho, meu amor, mais um chorinho. Daquela flor que você um dia desenhou no meu caminho, um chorinho, meu amor, mais um chorinho. A minha dose nunca é exagerada quando … Continue lendo

Publicado em Coração de Aladim | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Os franceses se encheram Da Argélia e vieram pra cá Se esquecer de pensar em Parri Era só gente fina a Colônia Argelina Anchantê sivuplé uí madame merci Té Dom Pedro Segundo Virou meio mundo Pra vir conhecer todo o … Continue lendo

Publicado em todo dia é dia | Com a tag , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Inter Rogatório

— Nome? — Exatamente Commo Sepro Nuncia. — E como se pronuncia? — É por parte de pai: Sepro Nuncia. — Tá bem, o senhor já disse. — Não, Jadisse é como se chama minha irmã. — Sua irmã? Mas … Continue lendo

Publicado em Inter Rogatório | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

Procurei em meu bolso a bala de prata para marcar minha passagem. Tudo o que encontrei foi essa bala de banana prata preta e melada como a madrugada. Paulo Vítola

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Coração de Aladim

a cidade mastiga meu peito quero gritar sonho comigo mesmo afônico você que me dói e põe dentes nos edifícios seu olho me olha por dentro como uma estrela cheia de mágoa transborda sua luz sem soluço quieto como um … Continue lendo

Publicado em Coração de Aladim | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Vítola & Marchesini

Publicado em Vítola & Marchesini | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Tempo

Em algum lugar do passado, Jaime Lerner, Gerson Guelmann e Paulo Vitola. © Irene Roiko

Publicado em tempo | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Todo dia é dia

doc ainda bem que o solda tinha cuque doc no mais ninguém mais tem mais saque por aqui o pique de fazer chover chuva tão chic no pileque de cada piquenique paulo vitola

Publicado em Todo dia é dia | Com a tag , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter

Nós de pinho

Publicado em Nós de Pinho | Com a tag , , , , | Deixar um comentário
Compartilhe Facebook Twitter