Urbano Bazar na Aldeia do Beto

Foto de Misiquici, o popular Vanuzei

Arte, roupas, acessórios, gastronomia e boa música. Esses são os pilares da terceira edição do Urbano Bazar que acontece neste fim de semana, sábado e domingo, dias 11e 12, a partir do meio-dia, na Aldeia do Beto (R. Professor Brandão, 678 – Alto as XV). O evento reúne artistas que vão comercializar de tudo um pouco. No local o público vai encontrar roupas, objetos e adereços. Uma boa opção de comprar um presente original antes do Dia dos Pais. A entrada é franca, mas desta vez a produção do Bazar em parceria com a FAS e a Associação Lar Criançarteira arrecadará leite longa vida e pacotes de bolacha como entrada solidária.

Os expositores de roupas e acessórios refletem o estilo urbano contemporâneo, mostrando personalidade e ousadia em suas peças. Na Mostra URBANO, Beto Janz (Curitiba, PR) e Rodrigo Level (Baurú-SP) irão expor peças produzidas exclusivamente para o evento. Em paralelo ao bazar acontecerá a Print#1, exposição e venda de trabalhos impressos de artistas convidados de todo o Brasil a preços acessíveis.

Na ocasião também acontece uma discotecagem em vinil com os dj’s Caê Traven, Luciano Vieira e Zé Pequeno Sound System. Atrações e brincadeiras irão animar o espaço reservado somente para as crianças. A cada compra realizada o cliente receberá um cupom para concorrer a diversos itens do bazar. A Aldeia do Beto recebe o evento em seu espaço multicultural que possui vários ambientes, entre jardins, varandas e salões. Tem como especialidade do cardápio a sua famosa batata suíça recheada, receita criada pelo proprietário Robert Amorim em 1984.

Serviço: Urbano Bazar – 3ª edição. Sábado e domingo, dias 11 e 12, das 12 às 20 horas. Aldeia do Beto – Gastronomia & Cultura (Rua Prof. Brandão, 678 – Alto da XV). Entrada solidária – 1L de leite longa vida ou 1 pacote de bolachas.

Sobre Solda

Luiz Antonio Solda, Itararé (SP), 1952. Cartunista, poeta, publicitário reformado, fundador da Academia Paranaense de Letraset, nefelibata, taquifágico, soníloquo e taxidermista nas horas de folga. Há mais de 40 anos tenta viver em Curitiba. É autor do pleonasmo "Se não for divertido não tem graça". Contato: luizsolda@uol.com.br
Esta entrada foi publicada em Urbano Bazar na Aldeia do Beto e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Compartilhe Facebook Twitter

Deixe uma resposta